A Expressão Transmontana em Trusses.

Os Caretos de Podence

Caretos de Podence

Quem é que nunca ouviu falar dos lendários Caretos de Podence? Ou quem é que não conhece aquele mítico traje colorido, que salta pelas ruas, deixando no ar o som dos chocalhos?

Quando falamos de Trás-Os-Montes e das suas tradições e costumes, vem-nos à cabeça as nossas iguarias (como os cavacórios, os pitos de Santa Luzia, as ganchas de São Brás, o folar de Valpaços e o de Chaves), a noite das bruxas de Montalegre, o jogo do panelo, os pauliteiros de Miranda e os Caretos de Podence. Sem dúvida que temos muitas mais tradições que podia agora mencionar, estas são só algumas das mais reconhecidas além fronteiras transmontanas.

Para falarmos dos Caretos de Podence, temos obrigatoriamente de falar sobre um dos carnavais mais conhecidos de todo o país: o carnaval de Podence. Comecemos por falar um pouco sobre Podence.

Podence, agora União das Freguesias de Podence e Santa Combinha, pertence ao concelho de Macedo de Cavaleiros, no nordeste transmontano. O Carnaval de Podence é a prova de que, mesmo sendo uma terra demograficamente muito pequena (segundo os censos de 2011, a freguesia tinha 306 habitantes), é possível popularizar uma tradição por todo o país. A par do popular carnaval de Ovar e de Torres Vedras, o carnaval de Podence é talvez a tradição carnavalesca mais famosa do país.

É, também, no contexto do carnaval que surgem as míticas figuras dos Caretos de Podence, declarados Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO a 12 de dezembro de 2019.

O traje dos Caretos de Podence

A apresentação diabólica do Careto não é mais do que um rapaz mascarado com um traje de diversas cores, das quais se destacam o verde, vermelho e amarelo, com chocalhos pendurados no traje e uma máscara vermelha de lata ou de cabedal.

Carnaval de Podence 2008 17
Rosino, CC BY-SA 2.0 https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0, via Wikimedia Commons

O que faz o Careto?

Os Caretos fazem parte das celebrações de inverno, aparecendo tradicionalmente no Domingo Gordo (o domingo de carnaval) e a terça-feira de carnaval, quando se faz a queima do Entrudo. Citando “Mergulhando na raiz profana e carnal, o verdadeiro motivo que move o Careto é apanhar raparigas para as poder chocalhar. Sempre que se vislumbra um rabo de saia, o Careto é impelido pelo seu vigor.” (wiki)

A origem do Carnaval e o Careto

Mas afinal, qual é a origem do Careto? Esta tradição está diretamente ligada com o término do inverno e chegada da primavera, uma época que traz de novo colheitas e bom tempo. Este tipo de celebrações carnavalescas, segundo alguns investigadores, virá do tempo dos romanos, embora outros julguem ser muito mais ancestral. “Ao Careto tudo se permite nesses dias pois assume uma dupla personalidade. O indivíduo ao vestir o fato torna-se misterioso e o seu comportamento muda completamente, ficando possuído de uma energia transcendental. Existe algo de mágico e de forças sobrenaturais ocultas em todo este ritual de festa que atribuí a estas personagens prerrogativas a imunidade interditas a outros mortais. A antiguidade e originalidade desta tradição, cheia de cor e som, e a vontade das gentes de Podence em preservar estas figuras fizeram dos Caretos personagens famosas para lá dos limites da aldeia.(wiki)

Carnaval de Podence 2008 15
Rosino, CC BY-SA 2.0 https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0, via Wikimedia Commons

Deixo aqui alguns links úteis para consultar mais informação relativa aos Caretos de Podence:

Aproveito para recomendar a leitura da secção das palavras que ouvimos em Trás-Os-Montes, onde podem encontrar algumas das palavras que habitualmente são usadas pelas gentes das terras transmontanas.

Já segue os transmontanitos no facebook e instagram? Está na hora de começar a acompanhar os nossos conteúdos semanais.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Rio de Onor - Aldeias Transmontanas

5 aldeias transmontanas que tens de visitar

Trás-Os-Montes é das regiões (sou suspeita a falar) mais incríveis do nosso país. As históricas e emblemáticas aldeias transmontanas são ponto de visita obrigatória, para quem quem conhecer um Portugal mais enraizado na terra que habita.

Ler Mais »

Playlist no Spotify

Ouve agora

Luísa Apancada
Avisos

Blog que acredita no COVID19

Para tua segurança e dos outros, por favor, usa máscara, camarada.